Com 70 homens da Polícia Militar espalhados pelas ruas de Balsas e cidades circunvizinhas (13 ao todo), da região sul do Maranhão, o comandante do 4º BPM, cel. Juarez Medeiros, (confira vídeo/relatório parcial abaixo) comemora com êxito a realização dos carnavais sem transtornos, onde as festividades carnavalescas foram mantidas.

Durante os 04 dias de carnaval, os pelotões saiam do quartel em direção aos principais locais onde a grande festa foi realizada, faziam reconhecimento de área e demonstração, à população presente, de que a polícia já se encontrava para sua proteção. Depois eram divididos em grupos que circulavam entre os transeuntes festeiros.

Famílias inteiras, crianças e fantasiados se misturavam numa alegria contagiante, ao som das bandas, porém com a maior tranquilidade e descontração, mesmo a polícia tendo avisado anteriormente dos cuidados preventivos, como não ficar isolado, muito distante do local das festas ou de pessoas conhecidas; sempre se manter em grupo e suspeitar de estranhos; não levar carteira, apenas o documento de identidade e objetos que chamem muito a atenção.

Para o comandante, em nenhum dos 14 municípios aconteceu incidentes graves ou gravíssimos, como estupro, homicídios ou roubo de carro ou motos. Até o momento desta entrevista não teria sido registrados.

Apenas um confronto ontem, 28/02, entre a Força Tática com o Fernando – o Nandinho. Segundo o cel. Medeiros, “um elemento com dezenas de passagens pela polícia, pertencente a uma facção criminosa, reconhecido no roubo de um salão de beleza, ladrão de moto e arrombador de casas dos bairros Potosi, São Luis e imediações. No celular dele foi encontrada uma mensagem que falava num grupo da rede social, que hoje (28/02) iria pro carnaval pra quebrar a Polícia. Do Complexo Pedrinhas ele saiu de tornozeleira e retirou, agora em janeiro e ainda jogou na rua.”

Presente, também, o Corpo de Bombeiros, mostrou disposição para qualquer eventualidade, porém nenhum gravame fez atrair o deslocamento das PMs apostas na avenida Raimundo Félix.

CONFIRA RELATO DO COMANDANTE AQUI:

DEIXE UMA RESPOSTA