A senhora Maria do Socorro Ferreira ou dona Socorro do Cartório, como é mais conhecida, subiu à tribuna da Câmara Municipal de Vereadores de Balsas/MA, na sessão ordinária desta última terça-feira, 02/05, para demonstrar a total situação de abandono em que se encontra o Cemitério das Açucenas ou Cemitério Central.

Dona Maria do Socorro mostrou completa indignação quando relatou que em suas visitas à necrópole do município notou que o desleixo passa de gestão a gestão e nenhuma providência é tomada em relação aos cuidados necessários, já que hoje há uma superpopulação sepultada e suas vias desorganizadas não permitem que os visitantes completem suas penitências às catacumbas.

Descontente, ela recorreu ao vereador Paulinho Massao (PROS) e pediu que o mesmo apresentasse indicação ao Legislativo, que foi assinada também pelos vereadores Isaura Ferreira, Prof. Niltinho, Gilson da Bacaba, Thalita Pavelich, Amauri Carneiro, Graciliano Reis, Allan da Marissol e Painha. A indicação de nº 379/2017, solicitou ao prefeito municipal que providencie equipes competentes para zelar, manter e melhorar a estrutura do Cemitério Central de Balsas, assim como uma equipe responsável para organizar e executar reparos entre outros serviços que desse outra imagem ao local.

Situação vergonhosa do Cemitério

Superlotado, o cemitério não tem mais espaço para sepultamento senão sobrepor corpos recentes aos mais antigos, sem autorização dos parentes, como vem acontecendo em alguns casos.

Há muito lixo e restos de materiais de construção em toda parte. Não tem caixa d’agua e para lavar as mãos após as visitas recorre-se a uma caixa de cimento no chão que acumula água. Não tem banheiro público e a capela para as cerimônias fúnebres religiosas não tem nenhuma estrutura. Atualmente não tem zelador, vigilantes e não se encontra nenhum responsável pelo cemitério. O único portão de acesso (muitos tem reclamado de uma única entrada e saída) fica aberto durante o dia e parte da noite deixando o local como abrigo para usuários de drogas, que quebram os túmulos. A iluminação interna é precária.

Reivindicações

Uma das reivindicações de dona Socorro é que deve ser construído um cemitério novo em Balsas, seja ele público ou particular para melhorar essa situação, já que os cemitérios dos bairros Bacaba e Trizidela não oferecem estrutura para longo tempo e se mostram também lotados.

Com relação ao Cemitério Central, o vereador Paulinho Massao falou que “reivindicamos a contratação de funcionários para fazer a limpeza; vigilantes, para evitar que o local seja usado para crimes, pois ali é um lugar em que se encerram histórias. É um lugar onde estão as memórias das pessoas, das famílias da nossa sociedade.”

“Solicitei a contração de zeladores e vigilantes, retirada do entulho e lixo existente lá. Melhorias no abastecimento de água com a colocação de uma caixa d’agua no local. A construção de um banheiro público. Abertura de um portão no fundo para ser utilizado em datas especiais como o dia de finados que tem um fluxo grande pessoas. A reforma na capela que está abandonada e um registro de sepultamento que vai facilitar a localização de restos mortais, pois não há identificação nenhuma. A presença de um vigilante é necessária pois pessoas estão usando o cemitério como banheiro, para suas necessidades fisiológicas, tem pessoas dormindo em cima de túmulo, usando drogas. E com a união da Câmara vamos conseguir, junto ao prefeito Dr. Erik, que com certeza vai olhar para a situação e trazer as soluções”. Completou o vereador.

DEIXE UMA RESPOSTA