As provas serão realizadas no dia 09 de julho, das 13 às 18 horas, constando de prova constituída de 44 questões objetivas de múltipla escolha, por área de conhecimento.

Seguem até esta terça-feira, 06/06, as inscrições para o programa Ensinar, novo programa de formação de professores da Universidade Estadual do Maranhão (UEMA) em conjunto com o Governo do Maranhão, que está ofertando 1.260 vagas para o segundo semestre do ano de 2017. As provas serão realizadas até o dia 18 de junho, das 13 às 18h. Saiba como se inscrever clicando aqui.

As provas serão realizadas no dia 09 de julho, das 13 às 18 horas, constando de prova constituída de 44 questões objetivas de múltipla escolha, por área de conhecimento.

O objetivo do Ensinar é formar professores para o exercício da docência na Educação Básica a partir de conhecimentos específicos, interdisciplinares e pedagógicos, de conceitos e princípios desenvolvidos na construção e apropriação de valores éticos, linguísticos, estéticos e políticos do conhecimento em um diálogo constante entre diferentes visões de mundo.

“O programa vai funcionar aos fins de semana, durante quatro anos, com graduações de matemática, biologia, pedagogia, letras, geografia e história. Por causa do nome que a UEMA tem na formação de professores, a procura tem sido muito grande tanto de estudantes quanto por coordenadores e representantes municipais”, explicou Regina Célia, coordenadora do programa Ensinar.

A previsão para início das aulas será agosto de 2017 e término no segundo semestre de 2021. O público alvo do programa são professores das redes de ensino que não tenham a formação em nível superior, além dos egressos do ensino médio da comunidade em geral.

Cursos Ofertados

Neste primeiro momento do programa serão oferecidos pela UEMA, em diversas cidades do Maranhão, os seguintes cursos: Ciências Biológicas Licenciatura; Matemática Licenciatura; História Licenciatura, Geografia Licenciatura, Letras Licenciatura em Língua Portuguesa, Língua Inglesa e Literaturas e; Pedagogia.

DEIXE UMA RESPOSTA