Foto: Internet

A céu aberto, o grande cenário acontece todos os anos, na Praça da Igreja Matriz, palco da Paixão de Cristo, que já está no calendário dos cristãos de Balsas.

Marcado para o dia 21 de abril, Domingo de Páscoa, o evento já é aguardado por uma multidão de fiéis, que segundo dados da organização, disponíveis pelo Corpo de Bombeiros, nestes 07 anos de apresentação “mais de 15.000 pessoas assistiram o teatro que mostra as passagens bíblicas entre a morte e ressurreição de Cristo”. Para que isto acontece, mais de 150 pessoas, de várias idades, são chamadas “pela fé”, como diz Wagner Alves Leite, diretor geral e idealizador incansável do projeto, são atores que participam da encenação.fé

Ensaios para a Paixão de Cristo.

Para que tudo isso venha a acontecer e dar o melhor resultado, como aproximação da realidade, ‘os grupos de jovens se vira na obrigação de formalizar um grupo de atores dispostos a fazerem encenações religiosas pela cidade”, que não dispõem de recursos próprios, buscam apoio da PM, do Corpo de Bombeiros, do SAMU, Guarda Municipal, Prefeitura Municipal e principalmente do comércio, recursos estes que poderão confeccionar palcos, roupas, iluminação etc.

Para os organizadores, a Paixão de Cristo é um dos maiores espetáculos religiosos que vem se destacando pelo estado do Maranhão e a Organização de Teatro Guerreiros da Fé se destaca ainda mais pela inserção de jovens que buscam na fé um modo de vida, não só durante o período da páscoa, mas em outros momentos e em diversas ocasiões.

Para este ano, a apresentação da Paixão de Cristo está orçada em R$ 51.000,00, incluindo, entre despesas de palco a empilhadeira, arquibancada, para dar melhor visualização aos espectadores, a material de decoração que transmitem a época dos acontecimentos.

DEIXE UMA RESPOSTA