Nesta sexta-feira, dia 02/12, integrantes da Ong IDERB – Instituto de Defesa Rio Balsas se reuniram com alunos da escola Maria do Carmo, no bairro Jd. Primavera. Na ocasião, o presidente do instituto, Miranda Neto se apresentou e apresentou os demais integrantes para dar início à palestra sobre os cuidados com o meio ambiente.

IDERB nas escolas
Drª Amarilys, médica cubana do Mais Médicos; Ediléia Oliveira, professora da escola Maria do Carmo; Miranda Neto, presidente do IDERB; Débora Batista, professora pesquisadora da UEMA e Tiago Meneses, secretário do IDERB. O cantor Deusamar Santos acompanhou o grupo e cantou a música: Lixo (O lixo fede, o lixo pode matar)

Mais de 200 alunos estiveram atentos ao tema logo nas primeiras horas da manhã, quando Miranda fez uma busca no que alguns dos alunos já teriam visto em uma visita ao lixão de Balsas, na mesma semana. Fez um apanhado de onde vem e para onde vai os resíduos.

Drª Amarilys Maria, médica cubana que se entrega ao grupo nas causas, para defender os seres de doenças que são evidentes adquiridas pelo lixo e como evitá-las.

Durante o evento, no pátio da própria escola, os alunos viram cartazes de alerta sobre a preservação do meio ambiente e assistiram brincadeiras referentes à natureza, que implora para ser reabilitada.

A professora Ediléia, que levou seus alunos a visitarem o lixão, a convite do IDERB, comentou da importância para os alunos estarem esclarecidos sobre o tema e agradeceu pela oportunidade que seus alunos tiveram.

IDERB
Alunos visitam lixão de Balsas.

O IDERB é um instituto criado por um grupo de pessoas que defendem o rio Balsas, principalmente suas nascentes e afluentes e que percorrem todo ano, no mês de setembro mais de trezentos quilômetros entre a cidade e a região da Limpeza (onde ficam as nascentes), com o intuito de registrar a deterioração do habitat local e principalmente alertar os nativos e ribeirinhos sobre o desmatamento, através de denúncias à Ong.

DEIXE UMA RESPOSTA