Dia Internacional do Idoso: cuidado com quem sempre cuidou de você

    0
    322
    Arquivo internet

    Inclusão social, conforto e acolhimento são algumas das dicas da Bigfral

    A qualidade de vida de um idoso depende de muitos aspectos e cuidados de pessoas a sua volta, como o controle de medicamentos, a prática de exercícios físicos e a alimentação. Todos esses fatores impactam diretamente os mais de 15 milhões de pessoas na terceira idade no Brasil. Esse número deve crescer ainda mais e em 2025, a expectativa é que teremos mais idosos do que crianças no planeta pela primeira vez, de acordo com a OMS – Organização Mundial de Saúde. Por isso, temas que abordam os caminhos para os cuidados dos idosos devem permear cada vez mais o dia a dia da população, como uma forma de preparo e orientação para essa realidade.

    Nessa fase da vida, a troca de carinho com os familiares pode diminuir sintomas como a depressão, além de estimular a troca de conhecimento e sabedoria e principalmente, estabelecer um vínculo de cumplicidade com os netos que certamente carregarão para a vida adulta com muita gratidão, respeito e dedicação.

    Com o tempo, os papéis se invertem e chega a hora dos mais jovens retribuírem o cuidado e atenção aos mais velhos. Devolver carinho envolve gestos, atitudes e procedimentos em busca do conforto e do acolhimento daqueles que nunca negaram um bom colo.

    Inclusão social – um grande receio da terceira idade é o medo de atrapalhar. Por isso, a inclusão do idoso em viagens, churrascos e festas pode fazer muito bem para a autoestima, além de contribuir para a socialização. Colecionar momentos de lazer, como visitar amigos, ir ao cinema, fazer caminhadas ou, simplesmente conversar também contribui para o bom relacionamento e faz com que o idoso se sinta útil.

    Conforto e acolhimento – o carinho pode ser encontrado em gestos simples como um abraço. Além disso, buscar produtos e serviços adequados a essa importante fase da vida está diretamente associado com bem-estar, segurança e consequentemente, qualidade de vida.

    Romper barreiras – muitos idosos perdem algumas capacidades por conta de limitações relacionadas a idade avançada. Por isso, atividades simples como a de ler um livro ou a de ajudar a caminhar no parque são iniciativas que mostram carinho e ainda auxiliam na saúde física e mental. Ajudá-los a entender os limites físicos, respeitado as suas rotinas é essencial para um relacionamento saudável e para a descobertas de novas habilidades. Nunca é tarde para aprender e buscar o novo.

    A incontinência urinária também pode ser um novo desafio imposto nessa fase da vida. Saber que o mercado oferece produtos desenvolvidos para manter o conforto já pode ser um bom começo, assegurando que o idoso mantenha uma vida ativa, praticando atividades físicas e sociais com a discrição necessária. Um exemplo disso, são as três linhas de fraldas da Bigfral: a Noturna, a Plus e a Confort, com modernidade, design e tecnologia para manter a pele seca por mais tempo. Os absorventes e toalhas umedecidas completam a coleção da Bigfral para o cuidado do nosso público, usando tecnologia especialmente desenvolvida para as necessidades dos idosos, preservando o conforto em suas rotinas diárias.

    DEIXE UMA RESPOSTA