Feirinha do Artesanato desta terça é abrilhantada com grupos culturais e produtos orgânicos e florais

    0
    621

    Cada vez mais conquistada pela população balsense, a Feirinha do Artesanato, na Praça da Matriz, agora pode ser visitada às terças e quintas-feiras, acompanhando a programação do projeto cultura Verão Balsas, que deste domingo último deu início a mais um período veraneio no município de Balsas/MA.

    A noite desta terça-feira, 09/07, dois grupos se apresentaram aos olhares de dezenas de curiosos que viram o colorido das rosas do deserto expostas por Kátia Vieira, da Bella Flor, sentiram o odor do cheiro verde e das verduras orgânicas de horticultores dos arredores da cidade, além dos artefatos (doces e artesanatos) produzidos pela Fazenda Esperança, ao lado dos já tradicionais da feirinha (culinárias – marizabel e mucunzá, queijos e licores artesanais produtos diversos manufaturados, lanches etc).

    Os novos grupos culturais de quadrilha Encanto do Cerrado e Lumiar se apresentaram com determinada cadência e alegoria, encantando os espectadores com suas alegorias magníficas, com a mesma criatividade e disposição de festa junina, ganhando aplausos ecoados na pirâmide da igreja de Santo Antônio, que ouvia o canto ao santo casamenteiro, entoado pelo Grupo Cultural Lumiar. Teve até um casamento atrapalhado, pouco diferente dos costumeiros de festas juninas.

    Não faltando criatividade para rechear a Feirinha do Artesanato, um grupo representante do Crediamigo, do BNB, se fez presente, apresentando suas propostas aos interessados para investimentos em seus empreendimentos futuros, para inserirem-nos também nas feiras de Balsas.

    Para Simão, um dos organizadores da Feirinha do Artesanato disse que “15 anos se faz, só temos a comemorar, e para isso estamos buscando novidades, como o tempero ou galinha caipira, para quem quem vem aqui já leve o almoço pra o dia seguinte. Tudo artesanalmente feito ou produzido na cidade”. Para ele, “é uma novidade a implementação dessa diferenciação, para aumentar ainda mais o movimento na praça”.

    O Secretário de Cultura e Turismo, Sr. Clério Nascimento, afirmou que “essa integração na Feirinha do Artesanato – culinária, artefatos manufaturados, floricultura e hortifrutigranjeiros – são todos parte de uma feira completa e esta é a tendência. De tudo um pouco em um só lugar, pelo menos neste período, onde muitos turistas procuram novidades na cidade”. Sobre os grupos culturais que se apresentam durante o Verão Balsas, “também complementam os requisitas da feirinha e mostram que Balsas está entrando em uma nova era, onde mostra sua cultura, a história de seu povo deve estar inserida nesta feirinha, na dança e na música, como temos aqui todas quintas e terças, nas artes que aqui são vistas, ao lado da degustação da culinária local”. Concluiu seu Clério.

    DEIXE UMA RESPOSTA